No geral, pode-se definir a artrite como uma inflamação das articulações. Já os tipos e causas podem ser variadas, sendo essas as mais comuns:

Osteoartrite

Ainda tem causa desconhecida, mas alguns sugerem que existe uma maior probabilidade de desenvolvimento quando há casos na família. Fatores como obesidade e lesão prévia na articulação aumentam o risco do aparecimento da doença.

Artrite reumatoide

É uma doença autoimune, ou seja, é causada por uma deficiência no sistema imunológico, levando-o a atacar seu próprio organismo. Esse tipo de artrite pode se desenvolver por condição genética.

Artrite gotosa (gota)

Pode ocorrer em razão da produção excessiva de ácido úrico pelo organismo ou devido aos rins não conseguirem eliminá-lo no tempo adequado.

Artrite psoriática

Pode ocorrer em pacientes que sofrem de psoríase (doença de pele).

Espondilite anquilosante

Tipo de artrite crônica que afeta os ossos, os músculos e os ligamentos da coluna.

Lúpus

É uma doença autoimune que tem a causa definitiva ainda desconhecida. Mas sabe-se que fatores genéticos, hormonais e ambientais influenciam seu desenvolvimento.

Artrite reativa ou Síndrome de Reiter

Desenvolve-se durante ou após uma infecção bacteriana, normalmente no trato geniturinário ou gastrointestional.

Principais sintomas da artrite

Como já vimos, existem diferentes tipos de artrites, mas, em geral, os sintomas incluem:

  • Dor articular;
  • Rigidez;
  • Restrição de movimentos das articulações;
  • Inflamação e edema da articulação;
  • Calor e vermelhidão da perna ao redor da articulação.
Como diagnosticar e tratar a doença?

O diagnóstico é feito por meio da avaliação da descrição dos sintomas e história (antecendentes familiar e pessoal), podendo também ser realizado por meio de exames, como raio-x, tomografia computadorizada ou ressonância magnética.

Tratamento

Quanto mais precoce o diagnóstico, mais rápidos os resultados do tratamento, que podem incluir:

  • Uso de analgésico;
  • Uso de anti-inflamatórios e antirreumáticos;
  • Cirurgia de substituição de articulação;
  • Massagem;
  • Hidroterapia;
  • Acupuntura.

Para ver mais artigos como esses, continue sua visita pelo blog.

Compartilhe agora: